Arquivo da tag: vinho

Marsala (ou quase)

Tenho andado tão enrolada ultimamente que até nos looks precisei montar um padrão e não passar tanto tempo escolhendo peças no guarda-roupa, ainda mais com esse clima bagunçado de calor e frio…

Viva a calça, o tênis e a regatinha! Começou de forma inconsciente, mas eu reparei que tem facilitado bastante meu dia a dia.

E, olha só, praticamente rolou um tom sobre tom de Marsala, a cor do ano (Pantone 18-1438)! Ok, é só uma variação… mas que tá próximo, tá, vai ;P

  • blusa e calça Forever 21
  • tênis Nike
  • bolsa comprada em uma feirinha de Santiago (Chile)
  • óculos H&M

Santiago – Restaurante Giratorio e fast food

Nos falaram muito sobre o restaurante Giratorio antes da viagem, então não pudemos deixar de conhecer e reservamos para um horário em que fosse possível ver o céu ainda claro enquanto aproveitávamos o couvert. A recepção do restaurante fica no 16º andar do prédio e o dois acima são os salões. Ficamos no 18º andar  e, de um modo geral, posso dizer que o atendimento e a comida são muito bons, a decoração é bem simples e enquanto comemos o chão gira (bem devagar) para que possamos apreciar a vista panorâmica da cidade linda que é Santiago (média de R$ 150,00 o jantar para duas pessoas).

O Giratorio foi nosso único restaurante “fino” por lá, mas isso não quer dizer que comemos mal… Quando vi Dunkin’ Donuts (que tem aos montes) surtei de alegria! Comi muitas rosquinhas e me ~empanturrei~ principalmente do Donut Arcoiris (como eles chamam o donut de glacê de morango com granulados coloridos), também experimentamos os sanduíches e wraps e, hmmm, muito bons! Outra maravilha foi descobrir que tem Taco Bell, fast food tex-mex, também com um preço legal e delícia (média de R$ 7,00 o combo de burrito).

Comemos no restaurante Mamut, no Red Bar e em vários outros, mas o nossos favoritos foram os restaurantes da rede Dominó, para nós foi o melhor custo/benefício (média de R$ 6,00 o lanche com salsicha viena), lanches grandes e com ótimas opções de sabores. Fomos em dois, mas haviam vários, muito mais do que Mc Donald’s por aqui.

♥ fast food

Harvey Milk Wine

Harvey Milk foi um forte e determinado ativista político da década de 70, que lutou pelos direitos iguais em São Francisco (Califórnia – EUA), especialmente pelos direitos dos homossexuais em todo o país, e em sua homenagem a designer americana Emily Hale projetou uma garrafa de vinho cabernet sauvignon.

A embalagem é simples e elegante, toda em preto e branco, com uma imagem de garrafinha de leite “meio cheia”, assim como a positividade de Harvey – mesmo com seus muitos obstáculos, e possui o discurso “Eu já provei a liberdade. Eu não vou desistir daquilo que eu já provei. Eu tenho muito mais para beber” do próprio Harvey Milk.

Eu não sabia muito sobre Milk até assistir o filme homônimo. Recomendo muito.

#rapidinhas