Arquivo da tag: feirinha

Japão – Tokyo: Parque Ueno e as sakuras

Nosso primeiro e tão aguardado passeio foi para ver as flores de cerejeira (sakuras) no Ueno Kōen (Parque Ueno). Quando chegamos e vimos tudo rosinha foi emocionante demais!! Tinha sakuras de vários tipos e cores, foi a a primeira vez que vi as vermelhas… lindas!

O parque é um dos mais populares de todo Japão, fica no distrito de Ueno do bairro de Taito, Tóquio. O acesso é super rápido, pois está bem em frente a Ueno Station. Foi fundado em 1873, abriga alguns templos budistas e grandes museus, além de um zoológico. É enorme! Possui mais de 8mil árvores e cerca de 800 árvores de cerejeira.

No dia em que fomos tinha feirinha com comidas e estava bem cheio. O sol sumiu rápido e fazia muito frio, mas passamos o dia lá contemplando as flores que tanto sonhamos ver em seu país de origem ♥ Fotografei um monte e ainda fiz um videozinho (bem amador) para mostrar o máximo aqui pra vocês. Preparados pra chuva de fotos? :D

Voltamos neste mesmo parque depois de quase 20 dias e já não tinha mais sakuras. O tempo de vida delas é muito curto e demos muita sorte de conseguir ver tudo no auge do florescimento, pois poucos dias, antes ou depois, faria toda a diferença!

🌸 🌸 🌸 🌸 🌸

Marsala (ou quase)

Tenho andado tão enrolada ultimamente que até nos looks precisei montar um padrão e não passar tanto tempo escolhendo peças no guarda-roupa, ainda mais com esse clima bagunçado de calor e frio…

Viva a calça, o tênis e a regatinha! Começou de forma inconsciente, mas eu reparei que tem facilitado bastante meu dia a dia.

E, olha só, praticamente rolou um tom sobre tom de Marsala, a cor do ano (Pantone 18-1438)! Ok, é só uma variação… mas que tá próximo, tá, vai ;P

  • blusa e calça Forever 21
  • tênis Nike
  • bolsa comprada em uma feirinha de Santiago (Chile)
  • óculos H&M

Jardim Secreto na Casa Bartira

No último fim de semana (de sexta a domingo) rolou a 4ª edição do Jardim Secreto, uma feira de arte e moda que propõe a busca de um frescor, um oásis por entre o concreto dessa cidade tão cinza: a busca pelos jardins escondidos por São Paulo.

Durante os três dias o evento esteve na Casa Bartira, um empório de cervejas artesanais e espaço cultural que fica em Perdizes, e contou com delícias mexicanas, sangria espanhola, oficina de terrários e arranjos, sessão de tatuagens flash com Adriana Marto e Rodrigo Ribeiro, bazar e feirinha  com decoração, roupas e acessórios de marcas lindas como Tramp Gramma, Philadelphia Co., Wild Style e Conta Gota, entre outras.

jardim_secreto_bartira_01

jardim_secreto_bartira_02

jardim_secreto_bartira_03

jardim_secreto_bartira_04

jardim_secreto_bartira_05

jardim_secreto_bartira_06

jardim_secreto_bartira_07

jardim_secreto_bartira_09

jardim_secreto_bartira_10

jardim_secreto_bartira_11

jardim_secreto_bartira_12

jardim_secreto_bartira_13

jardim_secreto_bartira_14

jardim_secreto_bartira_15

jardim_secreto_bartira_16

jardim_secreto_bartira_17

jardim_secreto_bartira_18

jardim_secreto_bartira_19

E já aguardamos ansiosamente pelo próximo!

Augusta Arts

Inaugurou dia 1 de maio a Augusta Arts, uma nova galeria que une em um único espaço o que há de mais novo em moda, acessórios, gastronomia, design e handcraft, claro, na Rua Augusta. E eu fui a convite da loja Mustache S/A visitar o espaço em sua estréia com coquetel e showzinho, uiuiui ;D

O lugar é lindo, os frequentadores podem encontrar marcas já famosas pela região e muitas novas que estão se lançando no mercado. Como a própria Mustache S/A, que já tinha sua loja online, agora está na Augusta Arts com suas lindas peças de inverno criadas pelas amigas Mayara, Thalita e Mariana. Obrigada pelo convite meninas, adorei!

Também conheci a Colorado, marca de eyewear que já tem quatro anos, experimentei alguns modelos e achei tudo ótimo, lindo e resistente! A marca feminina A Amoreira também me encantou, a Vivi, dona e estilista, contou que estava estreando e que as peças são super exclusivas!

A Monstro Coisa foi a que mais me deixou babando por motivos de: sou louca por monstrinhos de pelúcia!! As bonecas eram super charmosas e tinha até luminária-monstro ❤ Já a Bendita Augusta não era estreante, mas é tão amada quanto as anteriores. Suas camisetas são lindas e já fazem um super sucesso pelas bandas da Avenida Paulista.

Ah, e além das compras a galera pode tomar uns drinks, encontrar os amigos e apreciar arte – estava rolando uma mini exposição do INNER multi.gallery, com obras dos artistas XguiX, Hélio Marquess (Banais), Rafael Shine e Leiga.

AugustaArts_01

AugustaArts_02

AugustaArts_03

AugustaArts_04

AugustaArts_05

AugustaArts_07

AugustaArts_08

AugustaArts_09

AugustaArts_10

AugustaArts_11

AugustaArts_12

AugustaArts_14

AugustaArts_15

AugustaArts_17

AugustaArts_19

AugustaArts_20

AugustaArts_21

AugustaArts_22

AugustaArts_23

AugustaArts_24

AugustaArts_25

AugustaArts_26

Post loooongo para mostrar o máximo ;D

Augusta Arts: Rua Augusta, 1283 – Consolação – SP

Centro Histórico – Santana de Parnaíba

No último domingo fui com a família conhecer o centro de Santana de Parnaíba, município fundado em 1580, na região metropolitana de São Paulo – e para muitos é considerado ~interior~. Aproveitamos o sol e fomos curtir a feirinha (:

A cidade possui o maior conjunto colonial existente no estado de São Paulo, os casarões dos séculos XVII e XVIII foram tombados e restaurados, muitas ruas ainda são de paralelepípedos e a Igreja  Nossa Senhora de Sant’Ana se destaca no Lgo. da Matriz.

santanadeparnaiba_01

santanadeparnaiba_02

santanadeparnaiba_03

santanadeparnaiba_04

santanadeparnaiba_05

santanadeparnaiba_06

santanadeparnaiba_07

santanadeparnaiba_08

santanadeparnaiba_09

santanadeparnaiba_10

santanadeparnaiba_11

santanadeparnaiba_12

santanadeparnaiba_13

santanadeparnaiba_14

santanadeparnaiba_15

santanadeparnaiba_16

santanadeparnaiba_17

santanadeparnaiba_18

santanadeparnaiba_19

santanadeparnaiba_20

santanadeparnaiba_21

16º Festival do Japão

Eu contei os dias esperando por esse evento! Ok, exagerei… mas que quando saíram as datas do Festival do Japão 2013 eu fiquei toda empolgada, ahh isso foi! hahaha

Pois sim, no fim de semana passado aconteceu a 16ª edição do Festival do Japão. Eu fui ano passado – contei um pouco sobre ele (aqui) – e neste não poderia deixar de ir, programa anual marcado na agenda! O evento continua sendo o maior da América Latina sobre cultura japonesa,  divulgando suas tradições e conhecimentos para as novas gerações.

Este ano o tema foi “Tecnologia e Modernidade”, contou com muitas atrações artísticas, de danças, músicas e a final brasileira do World Cosplay Summit (WCS – Campeonato Mundial de Cosplay). Também tinha áreas recreativas, feirinha de artesanato, workshops e apresentação de taiko e a maravilhosa praça gastronômica (uma das maiores razões pra eu amar esse festival hihihi).

fdj13_01

fdj13_02

fdj13_03

fdj13_04

fdj13_06

fdj13_07

fdj13_08

fdj13_09

fdj13_11

fdj13_12

fdj13_13

fdj13_15

fdj13_16

fdj13_17

fdj13_18

fdj13_19

fdj13_20

fdj13_21

fdj13_23

fdj13_24

fdj13_25

fdj13_26

fdj13_27

fdj13_28

fdj13_29

Já esperando pela 17ª edição! hahahaha

Elmo

A Marilia adora vermelho, e dessa vez ficou mais do que evidente. Ela também adora programas infantis, especialmente os antigos… Alguém lembra da Vila Sésamo?

Na verdade a Marilia lembra muito pouco, até porque ela nem era nascida quando a tv brasileira fez sua versão de Sesame Street. Mas ela se recorda de alguns takes que as vezes aparecia nos Muppets (esses ainda fazem muito sucesso ♥ e hoje pertencem à Disney), outros ela assistiu no Youtube e também há uma versão atual, que passa na TV Cultura, mas com menos personagens que antigamente.

Enfim, a Marilia deu toda essa volta só pra dizer que o moletom dela é do Elmo, um monstrinho vermelho que mora na Vila Sésamo. O Elmo é muito engraçado e sempre se refere a si mesmo (e aos outros) na terceira pessoa – por isso escrevi esse texto assim hahaha, brincadeira de monstrinhos!

elmosweater_01

elmosweater_02

elmosweater_03

elmosweater_04

elmosweater_05

elmosweater_06

elmosweater_07

  • moletom Forever 21 (presente)
  • shorts Brechó Boutique Vintage
  • tênis Keds
  • bolsa feirinha Pç. Benedito Calixto

Para encerrar, um vídeo do Elmo cantando com seus amigos Big Bird e Snuffy (Garibaldo e Sr. Funga Funga no Brasil) – se não conseguir assistir clique aqui.

A Marilia deseja a todos um ótimo dia, especialmente aos enamorados ♥

Graynbow?

Um look total black é muito difícil pra mim. Já usei em ocasiões formais como casamento, formatura etc., mas no dia a dia não combina comigo. Então tentei sair vestida de grayscale… mas estraguei tudo com minha boina de arco-íris, ops!

greynbow_01

greynbow_02

greynbow_03

greynbow_04

greynbow_05

greynbow_06

greynbow_07

  • calça e jaqueta Renner
  • regata de bazar/brechó
  • boina feirinha de Curitiba (2003~2005)
  • sandália Bottero
  • bolsa Adidas
  • batom Cereja Berê – Quem disse, Berenice?

sisters red feet

Daí que a sintonia é tanta que as duas saíram de sapatos vermelhos ao mesmo tempo (ambos comprados em Bs As haha).

Julia

  • vestido C&A
  • casaquinho sem marca
  • tênis lojinha de Bs As
  • bolsa feirinha de Balneário Camboriú (SC)

Eu

  • blusa Desapegos de Maria
  • shorts DIY
  • alpargata de um homem que vendia na porta de casa em Bs As
  • bolsa Fairy Tale
  • óculos Bleu Dame

Um ótimo final de semana e feliz Natal a todos (:

Recoleta

Fomos ao bairro Recoleta quase todos os dias, tinha muitas coisas legais para ver, além de ser o mais elegante que visitei. Ruas bem arborizadas e muitas atrações culturais. Tendo como principal ponto a Plaza Intendente Torcuato de Alvear, ou como é popularmente conhecida Plaza Francia, a praça é um ambiente familiar com crianças brincando no parque e adultos deitados no gramado, lendo, descansando e/ou tomando sol (sim, eles vão de biquini e deitam na grama – isso é comum nas praças da Recoleta e Palermo).

Nos finais de semana e feriados a praça é palco para a feirinha que existe desde a década de 70, iniciada por jovens no periodo ditatorial e ao seu redor está o Museu de Belas Artes, a Biblioteca Nacional, Universidade de Direito e o famoso cemitério da Recoleta.

Um ponto turístico considerado novo por lá é a Floralis Genérica, uma escultura de flor metálica de 23 metros, feita pelo arquiteto Eduardo Catalano e dada à cidade em 2002. A obra possui um sistema elétrico que faz a abertura e fechamento de suas pétalas conforme o horário. De manhã suas pétalas se abrem e ao entardecer vão se fechando (como fomos cedo, não vimos essa parte hehe).

No  Cementerio de la Recoleta estão enterrados apenas aqueles que tiveram uma família com passado importante para a Argentina, sim, é um privilégio para eles. Lá encontramos o túmulo de Evita Perón – quando a ex-primeira-dama faleceu e decidiram levar seu corpo para lá houveram protestos, afinal, sua família não fazia parte da aristocracia argentina e isso soou como uma afronta. Enfim, o lugar é lindo e os mausoléus feitos por famosos arquitetos transformam o cemitério em um verdadeiro museu.

Ainda na Recoleta encontramos mais coisas legais, mas ficarão para outro post ;]