Arquivo da tag: desapego

Calçados no Bazar do Fusca

Antes de começar os posts natalinos com fotos de comidas (nhamm!), amigo secreto, retrospectivas e promessas, vim contar que o Bazar do Fusca está atualizadíssimo com calçados lindos, semi novos e para todos os estilos!

Corre lá e aproveita ;D

Bazar do Fusca

Minha mãe sempre me ensinou que de tempos em tempos é bom desapegar de coisas que estão encostadas no armário e eu sempre separava algumas peças, mas a maioria saía do meu e ia para o armário da minha irmã, hehe! As que sobravam iam para doação.

Eu me mudei há mais de um ano e não entendia porque raios ainda tenho caixas fechadas ocupando espaço. Então me dei conta que são coisas que eu não tenho certeza se ainda quero, se vou usar algum dia… Decidi desapegar de vez  e tentar ganhar alguma graninha. Conheçam: o Bazar do Fusca!

Montei uma lojinha no Enjoei e coloquei roupas, calçados e acessórios que eu e o Psy não queremos mais, mas estão em ótimo estado e podem fazer alguém feliz. Isso mesmo, tem pra mocinhas e mocinhos, confere lá (:

Ainda temos mais coisas para colocar no bazar e muitas peças já foram vendidas. Então não marque bobeira e aproveite as pechinchas ;D

arrumação

Passei o final de semana inteiro (ou a maior parte dele) arrumando meu quarto, tipo faxina geral, e acabei encontrando coisas de MUITOS anos atrás. Tinha roupas, sapatos, acessórios, revistas, brinquedos e mais um monte de coisas que eu não mexia há muito tempo, foi muito nostálgico!

Achei meus desenhos de quando eu sonhava em ser estilista :x, minha pasta de papéis de carta, o contato do meu fornecedor de telas de quando eu pintava e alguns recortes que eu tirava das revistas da Barbie (1998 a 2001). Tinha uma pasta cheia de coisas das Meninas Superpoderosas, que eu nem lembrava que era TÃO fã assim haha, além de várias pastas com referências de ilustrações, objetos de decoração e moda (isso tudo de 1999 a 2002, quando eu estava deixando de ser criança e entrando na fase adolescente, ohn).

Encontrei minhas pulseirinhas fluorescentes e que brilhavam no escuro (ai, meus 12/13 anos) e as pulserinhas do reggae de quando eu “era roots” (minha festa de 15 anos foi “Baile do Havaí” pra poder ir com o cabelão natural, saião e chinelo hahaha). Também encontrei papelada que vem junto com jabá de desfiles e jornais SPFW, documentos perdidos e meu álbum de formatura do colégio, em 2006 (bem, esse não estava perdido, mas fazia tempo que eu não via)… é, to velha. hahaha

Quase tudo o que estava “esquecido” foi para o lixo/reciclável/doação. Registrei algumas coisas enquanto ia encontrando e ajeitando tudo (na verdade ainda falta mexer em algumas)…

Foi um trabalho árduo, mas foi muito legal recordar (e desapegar).