Arquivo da tag: cotidiano

tchau cabelão

Eu adoro cabelos de todos os jeitos, quem acompanha o blog desde o início sabe que não é a primeira vez que eu “radicalizo” dessa forma… E desde o começo do ano eu já estava planejando cortar meus cabelos acima dos ombros, mas eu ainda estava curtindo bastante o roxo. Decidi que cortaria no final do ano, pois assim daria tempo de aproveitar mais a cor e ele poderia crescer mais, afinal fazia tempo que não deixava meus cabelos tão longos.

As pontas estavam muito ressecadas, eu levava muito tempo para lavar, levava muito tempo para secar e tudo isso estava me cansando, mas eu queria deixar crescer mais, afinal – de novo – fazia tempo que não deixava meus cabelos tão longos… Foi então que eu pensei em dar um propósito a todo aquele cabelo: doar para quem precisa! Lembrei de uma ONG que faz perucas para crianças e mulheres que possuem câncer, a Cabelegria, pesquisei, anotei e guardei, afinal só iria usar no final do ano, “quaaaando eu cortar”.

Só que agora, mais para o meio do ano, o cabelão começou a praticamente me irritar. Ter que lavar e ter que secar se tornaram tormentos no meu dia a dia, está frio, não conseguia sair com ele úmido. E quando eu via o roxo escorrendo e pensava que teria que retocar em alguns dias para ele ficar vibrante novamente, “passar tinta em tooodo esse cabelão tuuuudo de novo”… Sim eu desisti.

Procurei onde anotei sobre  a Cabelegria, marquei cabeleireiro, mudei meu visual, otimizei meu tempo, melhorei meu humor e ainda fiz meus 28cm de cabelo roxinho (sim, tirei quase 30cm e ainda sobrou !) serem úteis de verdade ♥

Como doar para a Cabelegria: pode ser qualquer tipo de cabelo, mesmo com tintura ou química, mas precisa ter no mínimo 20cm.
Basta enviar para o endereço: Av. Parada Pinto, 3420, Bl. 06, Ap. 33 – Vila Nova Cachoeirinha – São Paulo – SP – CEP: 02611-001

Eu já enviei o meu ;D

Fondue rápido e fácil

Eu nunca “fiz” nem comprei fondue pronto, não conheço as boas marcas e opções. Num dia em que estava com vontade de comer, procurei uma receita fácil para o doce e para o salgado e, depois de ter feito várias vezes (e sempre deu certo), resolvi colocar aqui. São super simples e muito deliciosas, então por que não dividir, não é mesmo?

Foi assim que eu, que até pouco tempo nunca tinha feito um fondue, já estou especialista no assunto! hahaha brincadeira :P

Fondue de queijo

Ingredientes

  • 200g queijo gruyère
  • 300g queijo estepe ou emmental (já usei os dois e ambos são bons)
  • 1 colher de sopa de amido de milho
  • 1 pitada de noz-moscada
  • 1 dente de alho
  • 180ml de vinho branco seco
  • pão italiano (ou outro de consistência firme para não se despedaçar quando você mergulhar no queijo)

Modo de preparo

  1. Rale os queijos com ralador ou processador
  2. Dissolva o amido de milho no vinho branco. Adicione a noz-moscada a este líquido
  3. Passe o alho nos lados e fundo da panela
  4. Coloque os queijos e o líquido preparado na panela e misture, sempre em fogo baixo, até fundir totalmente o queijo
  5. Continue mexendo até que a massa ganhe uma consistência homogênea, logo após levantar fervura, desligue
  6. Sirva com pão italiano

Fondue de chocolate

Ingredientes

  • 400g de chocoloate ao leite em barra
  • 100g de chocolate meio amargo em barra
  • 1 caixa ou lata de creme de leite
  • frutas (banana, morango, kiwi, uva…)
  • marshmallow

Modo de preparo

  1. Pique os chocolates em um recipiente apropriado e derreta no microondas o (potência alta por 1 minuto), retire e veja se dá para mexer o chocolate até ficar bem derretido
  2. Leve ao fogo médio o chocolate e misture o creme de leite. Mexa até ficar com uma consistência cremosa
  3. Leve para o rechaud
  4. Sirva espetando e molhando na mistura as frutas (pode picar as que achar necessário) e o marshmallow

Moleza, né? As duas receitinhas eu peguei no site Tudo Gostoso e adaptei. Que tal? Depois me conta o que achou ;D

ok casei. mas calma!

Sim, é verdade (: mas calma, vou explicar! Eu e o Psy namoramos há nove anos e meio e moramos juntos há um ano e meio. Desde a mudança falávamos em casar no civil, já que sabemos que nossa relação é eterna ♡ Mas claro que seria algo simples, sem festa nem nada, apenas casar no cartório para facilitar em documentações e burocracias que a vida nos obriga a seguir… Enrolamos, enrolamos, mas finalmente marcamos.

De fato não íamos fazer nada, mas sabe como é, eu comecei a ver fotos de casamentos, mostrava uma coisinha aqui, citava outra coisinha ali… não resistimos e decidimos fazer uma festinha. Claro, tudo com ajuda da família e amigos, do contrário ficaria só no “papelzinho” mesmo (o que não seria ruim, mas…).

Fizemos origamis de tsurus e flores, compramos garrafas transparentes e pintamos com spray azul, fizemos monóculos com fotos de desde o início do namoro para uma “cortina de retrospectiva”, compramos os noivinhos Playmobil para o topo do bolo e usamos bolinhas de lanterna japonesa. Fizemos bandeirinhas de papel colorido e plaquinhas com nossos nomes e “sirva-se” para o pessoal não se acanhar e pegar comidinhas e bebidinhas à vontade. Tudo com nossas próprias mãos (minhas, do Psy e dos amigos e familiares queridos) – e tudo em pouquíssimo tempo!

Vou mostrar alguns detalhes de como foram os preparativos para a decoração da festinha e quando eu tiver as fotos ~oficiais~ faço um post bonitão mostrando os looks~, a decoração e tals… então calma que ainda vem mais sobre o casamentinho por aí, ok? ;D

Trato Feito e delícias

Mais um fim de semana chegando e eu aqui deixando dica de comidinhas gostosas, nham nham! Ainda estou tentando cozinhar outras coisas além do arrozcomfeijão no dia a dia e até publico algumas nas redes sociais, mas não é sempre que dá pra registrar (a fome é sempre maior)…

E, numa bela noite de domingo, fomos assistir Trato Feito inédito com amigos e aproveitamos para fazer um jantar bem delícia. A receita escolhida foi uma que eles já são craques: maminha de alcatra assada, batata laminada com bacon e cebola, mozzarella sticks e saladinha nhaamm! Fotografei o que deu com o celular para poder mostrar aqui -e ficar morrendo de vontade agora !!

janta_01

janta_02

janta_03

janta_04 2

janta_06

janta_07

janta_08

janta_09

Tudo foi feito no ~olhômetro~ dos cozinheiros, mas linkei receitas parecidas para quem quiser fazer em casa ;]

resuminn…

O frio chegou pra valer e tantas coisas vem acontecendo que muitas vezes mal dá tempo de vir aqui contar e já acontece outra, fico até com preguiça perdida… Mas resolvi fazer um resuminho de tudo e antes tarde do que mais tarde, não é mesmo? (ok, eu também detesto essa expressão, mas ela define bem a realidade)

Além de muito trabalho (na Oppa e nos freelas), agora também tenho uma casa pra cuidar (ainda bem que o Psy me ajuda!!), por isso ainda estou aprendendo várias coisas, mas não deixo uma boa diversão de lado! Tenho feito alguns experimentos culinários, encontrado azamyga, ido a shows e visitado exposições…

Minha casa ainda não está totalmente pronta, mas consigo mostrar um pouquinho das coisas aqui, como a minha porta vermelha com moldura no olho mágico – que é igualzinha a da Monica Geller (Friends) ;] e a única parede “livre” da sala, que usamos para fotografar os looks que usamos no casamento de um amigo, claaaro! Mas acabou não rendendo um post único, então vieram para este, hihi.

Oh yes! Coloquei um piercing no septo… que doeu muito, mas eu adorei! E comecei minha “criação” de plantinhas que exigem poucos cuidados, porque eu sou o desastre em pessoa sim (agora já são 6, mas ainda não consegui fotografar todas). Aí eu juntei um pouco de tudo isso em fotos ao longo dos  dias e estão aqui agora hahaha – espero mesmo que gostem! ;*

resumo_1

resumo_2

resumo_3

resumo_4

resumo_5

resumo_6

resumo_7

resumo_8

resumo_9

resumo_10

resumo_11

resumo_12

resumo_13

resumo_14

resumo_15

Que a sexta-feira seja linda e que vocês tenham um ótimo final de semana ♡

festa duro

Sem qualquer motivo especial, fizemos uma festa tão simples mas tão boa no atelier do nosso amigo Jay Lee, que eu nem tenho muito o que dizer neste post, apenas amei as fotos e quis dividir com o mundo (não todas, claro! haha) :D

festa_duro_01

festa_duro_02

festa_duro_03

festa_duro_04

festa_duro_05

festa_duro_06

festa_duro_07

festa_duro_08

festa_duro_09

festa_duro_10

festa_duro_11

festa_duro_12

festa_duro_13

festa_duro_14

festa_duro_15

É, somos todos artistas e bailarinos em potencial -só que não. hahaha

Tenham uma ótima semana ;*

itadakimasu

Nunca fiz o tipo prendada, principalmente quando se trata de cozinhar, mas quando é algo que eu gosto (de comer especialmente) me dedico bastante.

Então, em uma das últimas vezes que fui à Liberdade, além das besteirinhas de sempre, comprei ingredientes para fazer um bom gohan, sunomono e guioza em casa (as receitas estão linkadas nos nomes). Nham nham!

No gohan acrescentei furikake, o guioza comprei pronto e só fritei até ficar levemente dourado. Para acompanhar tomamos Bon Bon (suco de uva verde com pedaços da fruta) e uma Sapporo (a mais antiga marca de cerveja do Japão). É tudo muito simples e fácil, mas já que ficou bem caprichado, decidi fotografar pra mostrar aqui (:

E para quem se perdeu com o título, “itadakimasu” é uma expressão que os japoneses utilizam antes das refeições (entenda aqui).

itadakimasu_01

itadakimasu_02

itadakimasu_03

itadakimasu_04

itadakimasu_05

itadakimasu_06

itadakimasu_07

Ainda não temos mesa de jantar, mas… いただきます !!!

Lollapalooza 2014

Oba oba, no último fim de semana rolou mais um Lollapalooza (: e nada como assistir seus artistas preferidos, junto com amigos e ao ~ar livre~ durante dois dias inteiros! (e dar uma pausa rápida no “assunto SPFW”).

Este ano o evento aconteceu no Autódromo de Interlagos, que tem um espaço ótimo, comportou muito mais gente e cinco palcos (antes eram quatro): Skol, Onix, Interlagos, Perry e Kidzapalooza. O som de um não interferia no outro e os barrancos nos proporcionavam melhores vistas dos palcos, mesmo estando distante, e os lounges dos parceiros e patrocinadores ficaram ainda melhores!

Mas a distância entre um palco e outro era de 700m a 2,5km, além de só ter um caminho para tal e com a quantidade de gente era impossível sair de um show e ir pra outro sem perder quase metade da atração :/

Outro problema foi o transporte. O estacionamento era caríssimo e a estação mais próxima era a Autódromo da linha Esmeralda CPTM, o percurso até o evento (e vice-versa) levava em média 15 minutos. Como no sábado o público era infinito + tempo de percurso entre palcos + percurso até a saída + percurso até a estação = muitos ficaram na rua no fim da noite! Pelo menos domingo foi mais tranquilo e uma equipe do evento auxiliou o público no trajeto. #ficadica pra colocarem ônibus especiais do evento com mais estações de destino, assim não congestiona a região e ninguém corre o risco de perder o trem.

O chão cheio de lixo por todo o evento foi algo que me deixou #chatiada triste. Sabemos que vai da consciência de cada um guardar o lixo e tudo mais, mas não se via lixeiras (vi apenas duas em todo percurso) e pisávamos mais em copos de plástico do que na grama. Se o evento disponibilizasse um copo/caneca decorado por pessoa e barateasse a cerveja para quem usasse este, talvez a sujeira fosse menor… além do incentivo a reciclagem (cadê?), mas… ficaí mais uma dica.

Apesar de tudo, não tem como não se divertir. Os shows foram lindos e na seleção de atrações o Lollapalooza é mesmo sempre muito bom ♥

lollapalooza_2014_01

lollapalooza_2014_02

lollapalooza_2014_03

lollapalooza_2014_04

lollapalooza_2014_05

lollapalooza_2014_06

lollapalooza_2014_07

lollapalooza_2014_08

lollapalooza_2014_09

lollapalooza_2014_10

lollapalooza_2014_11

lollapalooza_2014_12

lollapalooza_2014_13

lollapalooza_2014_14

lollapalooza_2014_15

lollapalooza_2014_16

lollapalooza_2014_17

lollapalooza_2014_18

lollapalooza_2014_19

lollapalooza_2014_20

lollapalooza_2014_21

lollapalooza_2014_22

Que o Perry Farrell leve em conta todas as dicas (hê) e que a próxima edição seja ainda melhor! ;*

Bye bye 2013!

Lá se foi mais um ano… e, diferente de 2012, que foi super sem expectativas e com poucas surpresas, 2013 teve uma atrás da outra. E das boas! Talvez porque tenha sido o Ano da Serpente – meu signo no horóscopo chinês (?), não sei… mas eu gostei!

Obrigada a todos que acompanharam o Da janela do Fusca este ano, é sempre muito bom contar meu cotidiano por aqui e dividir com vocês as coisas graciosas que vejo por aí.

natal_2013_001

natal_2013_002

Espero que 2014 seja ainda mais especial para todos nós! Até lá ;*

Circle project

O ilustrador e designer espanhol Jose Miguel Mendez resolveu representar um dia normal de sua vida através do círculo, misturando ilustrações digitais com modelos feitos em cartolina.

01

03 b

04

06

07 b

08+11

12 b

14 b

15+16

18 b

19

21

22+23

Veja aqui o projeto completo.

#rapidinhas